Wednesday, September 10, 2008

87 / Portugal - Dinamarca

Desiludam-se todos aqueles que pensam que aqui se vai falar de futebol. O futebol é só o pretexto para se traçar o paralelismo pretendido. Ou seja:
1) temos um dos melhores treinadores do mundo;
2) dos melhores jogadores do mundo, incluindo as nacionalizações;
3) dos melhores lesionados do mundo;
4) das melhores instalações dos mundo; das melhores gargantas [leia-se jornalistas] do mundo;
5) poderíamos ir por aí no que de melhor do mundo temos. Temos o mundo a nossos pés. Pensamos em grande, falamos em grande, publicitamos em grande, enfim, orgulhamo-nos em grande. Mas isso é antes. O durante e o depois é que é o caraças. Nas Forças de Segurança é igual:
1) temos um dos melhores ministros da administração interna do mundo;
2) das melhores polícias especiais do mundo;
3) dos melhores polícias de gabinete do mundo;
4) das melhores apresentações publicitárias do mundo, incluindo buscas domicialiárias com jornalistas, tiro ao alvo para o mundo ver o que melhor há no mundo
5) poderíamos ir por aí no melhor do mundo que temos, incluíndo helicópeteros, glocks, sniper´s, equipas especiais contra criminosos especiais. Mas a porra é que os crimes acontecem fora dos holofotes. Os crimes são situações pré-mediáticas: não se fazem anunciar. O povo é que sofre com as situações pré-mediáticas, pois os agentes criminosos são, como assim dizer, provocados mediaticamente. Resumindo: jogamos muito melhor, mas os outros é que marcam os golos.

17 comments:

Anonymous said...

Infelizmente tudo o que se diz que há de bom no País é só para consumo interno e no papel. Desde logo tem os piores políticos. A partir daí é um descalabro. Tudo por que não planeamento, não há estudos de situação, não há empenhamento e stduo porque sobra oportunismo, incompetência, desleixo. É um País de faz de conta a raiar o estado falhado.Precisam-se de cérebros. Aceitam-se candidaturas.

Anonymous said...

Neste cantinho da Europa é mesmo assim... e a Polícia não foge à regra!
Não há falta de qualidade. Há falta de rigor!
Basta ver como uns são nomeados ou afastados de determinadas funções. Isto já para não falar de louvores e condecorações...
Quase sempre com prejuízo colectivo para benefício particular...

Anonymous said...

As alterações da lei.A falta de liderança para pensar a criminalidade.A colocação de determinadas pessoas habilitadas/qualificadas e motivadas,FORA de lugares preponderantes.A falta de incentivo/motivação.A falta de exigência.São faltas a mais,para alguma "carolice" de elementos que vestem a camisola e que constantemente são vilipendiados por certa hierarquia carreirista e sedenta de poder, como se esta Instituição fosse uma feira de vaidades, onde até a palavra de honra já é motivo de desonra.

Anonymous said...

Não é o IGAI que não quer disparos em perseguições e "cowboyadas"?Aquelas entrevistas e determinações não terão contribuído alguma coisa para este sentimento de impunidade para os criminosos?Este sentimento que tanto é imputado aos jornalistas,agora não é questionado?
Para muitas pessoas com responsabilidade,nos destinos do País,o plausível já é igual ao racional, o que leva inevitavelmente ao erro.

Franco said...

Também sou de opinião que se a imprensa fala muito agora, foi porque foram, paulatinamente, dando motivos para eles fazerem incursões em territórios que dantes não se atreveriam sequer a pensar entrar. E quem foi dando esses motivos? As próprias polícias, sentido lato. Perdeu-se o recato. E agora é isto.

Anonymous said...

Pois a vida não é bela. Ela é mesmo dura. Fartamo-nos de fossar e o outros marcam.
Assim devem pensar os dois keystone cops, a nova dupla maravilha Tito & Pimentel.
Meteram o pessoal da 5ª EIC numa situação para a qual não tinham unhas e os intervenientes na perseguição “discreta” tiveram de fugir aos ladrões das atms no fim da ponte Vasco da Gama.
Não satisfeitos mandaram mais carneiros para o sacrifício no distrito de Setúbal, para a área da guarda, com a nobre missão de aplicarem um dispositivo de seguimento num carro que era alvo dum inquérito dos jotas (alvo de um roubo à mão armada em Miraflores) e que estava sob vigilância.
Foram vergonhosamente apanhados em flagras pela guarda e convidados a irem para outras bandas.
Eventualmente a guarda prendeu dois do grupo (de mitras, entenda-se) em Carnaxide, pois alguém com eles no devido lugar decidiu “daqui não saem!” nem que me partam o Volvo.
A Instituição foi tomada de assalto pelos Metralhas, pois não estou a ver gente de bom senso a autorizar estas aventuras, as incursões em inquéritos e territórios alheios. Já não há decoro. E as vítimas sofrem.
Tudo se engendra para os três minutos e vinte segundos de fama.
Cavamos a própria sepultura?
Se não bastasse, uma franja deste grupo foi apanhada em Reguengos. Mais duas detenções.
4 a 0?
Saudações cordiais
Jota

Anonymous said...

September 12, 2008 2:24 AM
As vigilancias e seguimentos é para quem sabe, não é para quem pensa que sabe.Quem não quer ser lobo não lhe veste a pele,ser apanhado por alguém da Guarda só pode ser para rir.A GNR montada de Volvo?Sim senhora!!!Então as ERTE´s não estavam a trabalhar nesse dia?Quanto aos Metralhas estamos de acordo,qualquer PML ou EMEL,tem ascendente sobre a PSP.Nas incursões,meu amigo,ninguém pode ser anjinho.Cada um faz as que quer desde que não seja agarrado.Nesta casa há muita gente que trabalha para a Polícia Judiciária e não para a PSP,são esses vermes rastejantes que originam tudo isto.
Tenham coragem e saiam desta casa.

Anonymous said...

Os Directores de Departamento da DN,onde estão,o que fazem,que propostas,que atitudes?quando o mar está agitado é que se revelam os bons timoneiros(líderes).Lamentável a crise de liderança,a todos os níveis,que se instalou nesta Casa.O País merece muito melhor.Apoiem,criem condições,estimulem todos aqueles que ainda não perderam a vontade de trabalhar,em prol da causa pública.

Anonymous said...

O hmmsa não anda por aí?
Isto vai ser giro até ao fim do ano.Acho que a exigência é fundamental para o bom funcionamento desta Instituição.Partindo do princípio de que as chefias são competentes e anteriormente trataram de criar condições para poderem exigir.Vem isto a propósito do novo regulamento de continências e honras que está a ser desenhado e dizem,que não de forma razoável e ponderada.

Anonymous said...

e será que é só isso que está pra vir?

Anonymous said...

Jota.

Falas do que ouviste falar. Deves ser um desses investigadores de secretária.

Vê lá se o pessoal da 5ª EIC, não foi seguir/vigiar (chama-lhe o que quiseres)indivíduos que tinham acabado de cometer um crime de roubo na mercauto em Lisboa.
Já agora parece-me que nesse crime não foram usadas armas de fogo (pelo menos visíveis)como tal processo cuja competência é da PSP.
Em todo o caso sempre te digo que havia reputação de flagrante e até aqui não é investigação logo a PSP também tinha competência.
Já agora sabes porque é que os indivíduos ficaram em preventiva???
Foi com a vossa (jota)ajuda???
Sabes onde estavam os vossos (jota) homens, quando a GNR foi detectada pelos bandidos???
Não sabes???
Devias estar na caminha.

(PSP)

Anonymous said...

... e há "gajos" que insistem vir para aqui comentar o que não foi 'postado'. Vão a um analista que a tola não está boa! Mas pior do que isso, falam de coisas que só um número muito (muitíssimo)restrito de outros "gajos" perceberão. Ao menos que contem a história completa para todos percebermos. Ou enviem a história para o e-mail do POLICÍADAS para ele publicar (se for caso disso). Obrigado

Anonymous said...

A culpa é dos comandantes das EIC´S.Não autorizem que os elementos falem com a Polícia Judiciária,sem saberem o conteúdo.Quem quer trabalhar para a P.J.,sai e vai para lá!Oh 5ª EIC,e a última em que a "Jota" vos comeu o produto que vinha do estrangeiro?Abram os olhinhos,para não serem comidos por otários.

Anonymous said...

É tipo Portugal - Dinamarca! Portugal dizem que jogou, jogou, jogou e PERDEU! Estes investigaram, investigaram, investigaram e os jotas comeram, LIMPINHO, sem espinhas.

DIZKDOI said...

Como é possivel em espaço aberto comentarios a serviços policiais, que alimentam guerras internas.
depois queixam-se....
Cambada de atrazados mentais

Anonymous said...

"Assim devem pensar os dois keystone cops, a nova dupla maravilha Tito & Pimentel."
Quem é o Tito?
Quem é o Pimentel?
Explique lá isto SFF, porque no meu tempo de criança essa era uma dupla muito estimada por mim, por ser uma dupla de pessoas que fazem rir.Eheheheheehehehehehehehehe

Anonymous said...

há aqui uma contas de matemática que que deixam baralhado e gostaria que alguem me explicasse porque alguma coisa não bate certo antes era assim: Div. 2 = 10,11,14,15,16,33,34,36 38 agora Div. 2 + Div 5 = dá-me o mesmo resultado durelex duplex.depois não há p.