Sunday, November 2, 2008

97 / Brigada do Reumático - Service Pack 2

LS vem avisar que as Forças Armadas estão decontentes porque têm perdido regalias. Não são só as FA que têm perdido regalias, diremos nós.
VL vem lembrar que os militares têm armas e que as armas nas mãos de pessoas mais novas podem levar a resultados imprevisíveis. Vivemos numa democracia resultante de uma intervenção dessas, diremos nós.
O Presidente da AOFA relembra que o Ministério da Defesa não percebe da realidade e que deixou de ouvir as associações. Onde é que este senhor tem andado? Perguntamos nós.
LS, passadas vinte e quatro horas depois do primeiro aviso, vem dizer que o Governo está a pensar no caso e que em breve dará sinais. Governo contrata novo porta-voz? Perguntamos.
Num país como o nosso, poder-se-á dizer que foi mais uma manifestaçãio de descontentamento, como aliás têm acontecido muitas. Os polícias já se fartaram de jantar à custa de mostrar a(s) sua(s) indignação(ões); os professores não têm jantado tanto, mas manifestado mais, os enfermeiros, idem. O que há de novo, é haver generais a lembrar que os militares têm armas. Ok! Eles têm armas, pronto. As Forças de Segurança também. Se eles tiverem qualquer coisita, as FS também vão querer. Que as Forças de Segurança, em geral, são naturalmente solidárias com os militares, disso niguém duvide. Mais do que uma profissão, têm uma missão. Agora, usar da chantagem e da ameaça para fazer passar a mensagem,,, mais vale, em vez de se reunirem para jantar, se juntem e invadam a Assembleia da República como fez há anos um desatinado general espanhol. E esperem pelo resultado.

16 comments:

Anonymous said...

Ao menos os militares referidos mostraram algum sentido de liderança.Discutir a substância das atitudes tomadas é outro assunto.Facto é que mostraram uma posição, enquanto que por aqui fica toda a gente atrás do biombo, até aqueles que foram mandatados para nos representar.Podem dizer que estes já estão na reserva, mas tanto quanto ouvi, o CEME, concordou com o geral das afirmações feitas.Já agora esses jantares de indignação foram antes ou depois do actual DN?O meu único lamento vai para os destinatários da missão que nos foi atribuída.

Anonymous said...

É a 1ª. vez que me pronuncio neste “Atrium” mas por aquilo que tenho constatado nos diversos serviços/comandos militares e de segurança interna, há uma diferença em relação há postura da PSP. Eles são unidos e pedem para TODOS e debatem-se pela mesma causa. Enquanto na PSP a causa é só uma; melhores regalias ( financeiras e de estatuto ) para os Srs. Subintendentes e Intendentes.
Só neste país a que uma norma de excepção, em diploma próprio, serve para remunerar quase todos os oficiais dos dois Postos em mais de 25% para uns e para outros cerca de 45%.
O resto é paisagem …. 2,9%
Onde está a igualdade ?

Anonymous said...

"Os chefes não fazem sentir à tutela a razão dos seus homens", "a hierarquia é responsável pelo bem-estar" dos efectivos e "não cumprem as suas responsabilidades para com os subordinados", as chefias "têm preferido ser 'comissários políticos'" em vez de se assumirem como sindicalistas junto do poder político, foram algumas dos comentários feitos, segundo diferentes fontes."
Estas afirmações sairam do jantar da AOFA.
Salvaguardando as devidas diferenças, nesta casa assentam como uma luva.

Anonymous said...

"November 2, 2008 2:09 PM"
Pode-nos dizer qual o diploma que fala desses aumentos?

Anonymous said...

fui a primeira vez e para fazer tal figura melhor fora que não te tivesses pronunciado ( S )

Anonymous said...

As afirmações do primata têm alguma coerência. A LOPSP foi estudada ao pormenor (foram contadas as cabeças e lugares disponíveis) e em prol de quem iria/estava a exercer funções de Comando, por isso há comissários, subintendentes e intendentes a auferirem ordenados, não em função do posto, mas sim do cargo que desempenham. No entanto, nos outros postos da PSP isso não acontece, porque têm de estar preparados para exercer qualquer função policial !!!! … e sem contrapartidas!!!!
Uns são filhos da mamã e outros são filhos da …

Anonymous said...

Pasmai senhores,ou nem por isso.Há um homem (será?, usa pêra, está muito próximo do DN, que se bateu, bate e baterá para que o pessoal da investigação criminalnão seja contemplado, no novo estatuto com o respectivo subsídio.São estes os sindicalistas que temos.Diz o cavalheiro,que vai o GOE partir a porta e o o CI fazer a segurança logo ,não devem os investigadores receberem o subsídio porque não correm qualquer risco.

Anonymous said...

A menina do "Porto" já correu com um titular de um serviço sensível?Não haverá por aí mais "Ribeirinhos"? Cuidado porque a inteligência não ficou só de um lado, Deus distribuiu-a por todos.Aposto na colocação de mais um invertebrado.
Incompetente=sem capacidade;inábil.A incompetência está a ganhar, para que certos jogos de poder sejam executados.Também eu quero um Lar Giro.O Porto está em grande, o "avô" é esperto, não é senhor A....?

Anonymous said...

A competência atrapalha... é inimiga dos jogos de bastidores e faz sombra aos incompetentes no poder.
Esta casa de alcântara, desde que viu sair um senhor, que para além de comandante era investigador e se transformou num verdadeiro "porto de lisboa", tem sido sempre a afundar.

Anonymous said...

Daqui a uns anos, quando houver um “OUTRO” bolo para distribuir, aí de certeza que se vai pensar na investigação.

Anonymous said...

"""porto de lisboa", tem sido sempre a afundar.

November 5, 2008 2:35 PM""
Não deve ser porto de lisboa mas sim, Porto-Lisboa.
Sinto-me apaixonado pela Angelina Jolie, mas o novo "Sargento Careca" resolve.
Em estratégia talvez a casa de Alcântara não esteja a trabalhar só para a instituição PSP.O acto de negar factos em conferência de imprensa nem sempre resulta nem as pessoas acreditam.

Anonymous said...

Vão trabalhar!
Como têm cérebros brilhantes, melhores que os dos outros, e ideias (de merda, diga-se!) não vos faltam, experimentem pô-las ao serviço da Polícia!
Isso é que era!

A inveja é uma coisa muito feia... mostra toda a mediocridade que o ser humano (?) pode ter!

policiadas said...

Não era nada bom que se voltasse a moderar os comentários. Pede-se a quem comenta (que é sem pre bem vindo) que modere a linguagem e que seja mais objectivo nos comentários. Há leitores que ficam a leste de tudo pois os assuntos só são conhecidos localmente.

Anonymous said...

"November 6, 2008 6:18 PM"
É muito fácil os cérebros brilhantes com óptimas ideias aumentarem o prestígio da Polícia, quando os lugares agora ocupados, o forem só e só por competência.

Anonymous said...

Não conheço a nova LOPSP,espero até Dezembro como é da praxe para ver, mas essa distinção remuneratória em função do cargo ou funções que cada um desempenha já existe actualmente para todas as categorias embora para algumas tenha algumas reservas acerca da sua legalidade

Anonymous said...

Quer -me parcer que há elementos a que pagam para ser policias e depois tem de lhe pagar para o execer