Tuesday, February 2, 2010

149 / Fly Robin Fly

De vez em quando, acordamos com o estupor da notícia; com a obscenidade fria do facto. Isso congela-nos. De vez em quando, damos conta que camaradas nossos partiram e que, porque não os conhecemos pessoalmente, não passaram de números a abater nos serviços sociais, como ainda - erradamente - vai aparecendo nas Ordens de Serviço. Outras vezes, conhecemos, ainda que de relance, aqueles que partem. Lembramo-nos então, que não fomos justos para com todos os outros. Não fossem os mais chegados, nem nos aperceberíamos que tinham sequer existido, quanto mais partido. A todos eles a nossa homenagem.

18 comments:

Anonymous said...

Bruno Lameiras

Bom dia.

É verdade! De vez em quando somos devastados por notícias que nos dão conta de quem partiu.
Um colega, um amigo, um ser humano. Confesso que por vezes dou por mim a pensar, quiçá até de uma forma injusta, em como há por ai tanta gente que vive única e exclusivamente de fazer mal às pessoas e "safam-se" sempre…

Enfim, quero ainda aproveitar para deixar publicamente as minhas condolências aos familiares, amigos e colegas, dos quais me incluo, à recente vítima mortal de um acidente de viação, o Subcomissário Gil Canário, que pese embora não trabalhasse directamente comigo, fazíamos parte da mesma Divisão Policial, Divisão de Loures, COMETLIS.
O "feedback" que chegava por parte dos colegas de ser um excelente profissional e uma boa pessoa era constante. Certamente uma grande perda.

Um abraço

Anonymous said...

pois quero lamentar a morte de esses ""oficiais" e apresentar minhas condolências aos familiares..... mas quero ver se for um simples agente aquele que dá nome a policia se se veem dessas noticias......

Franco said...

VOCÊ É ORDINÁRIO! É só consultar a coluna lateral esquerda para ver inúmeras referências a elementos que infelizmente já não se encontram entre nós. Veja em QUADRO DE HONRA e RELATÓRIO FINAL. ORDINÁRIO!!!

Anonymous said...

franco said....
este blog é só contra agentes e contra os sindicatos que tanto vos deram pk ja vi k es oficial ... sóis do bota-abaixo... ( isto vai para ti k me xamas-te uum pouco do teu todo )))

Anonymous said...

Caro colega

Nestas horas não se tratam de Oficiais ou Agentes. Apenas HOMENS que já não estão junto de nós.

Deixem lá essas tretas do Oficial e do agente. Somos Policias.

Anonymous said...

Lamentável se viermos a ter discussões neste post.. somos polícias! Que Deus acolha junto de si estes dois nossos colegas que sucumbiram tão jovens à crueldade da vida. Sentido pesar por eles e pelas suas famílias. Descansem em paz!

Anonymous said...

Franco:

O Sr. caiu na ordinariçe ao chamar ordinário ao outro comentador, por muito fraco que fosse (e foi) o seu comentário.
Controle-se! Ou também é assim profissionalmente?

policiadas said...

Só uma profunda falta de atenção e reiterada má fé, é que pode catalogar este blogue de ser contra AGENTES e SINDICATOS e, por oposição, a favor de OFICIAIS. Só uma profunda cegueira é capaz de tal afirmação. Este blogue limita-se a escrever o que vai na alma do/s seus/s autor/es: são factos vistos por pessoas, como tal, passe a redundância, subjectivos.

Franco said...

Peço desculpa a todos os visitantes deste blogue pelo que disse. Mas não retiro nada. Deveria ter sido mais subtil e mais comedido. Não deveria ter descido ao (baixo) nível do comentador 'February 2, 2010 6:41 AM'. Na altura insurgi-me pois o comentário foi assaz vulgar e ofensivo. Não ver na morte um momento transcendental...

leiras said...

Meus amigos
Escrever nos blogues dá-nos o direito de usar a forma "anónima" ou então um nome fictício que não deixa de ser anónimo.
Isso permite entrar em discussões que evitariamos se estivessemos devidamente identificados.
O que se pede, principalmente aos anónimos, é que não baixem o nível do debate. São assuntos sérios demais para "baixa discussão".
Quanto ao presente assunto em debate, se é que de assunto se trata, apenas quero expressar à Família Policial os meus sentidos pêsames pela morte destes dois juvens promissores Oficiais de Polícia que muito teriam a dar a esta Instituição.

Serpico said...

Compreendo a raiva do Franco perante um comentário tão infeliz e despropositado do anónimo de February 2, 2010 6:41 AM.

É preciso andar com a auto-estima muito em baixo para escrever com tanta insensibilidade. Perante um momento como este, vir com comentários tão mesquinhos é simplesmente ofensivo.
Há momentos para tudo, mas este não era certamente o melhor para expor a sua frustração e traços do seu baixo carácter.

Descansem em paz.

Anonymous said...

Para o anónimo de February 2, 2010 6:41 AM

Um conselho: se quer ser respeitado dê-se ao respeito.

Anonymous said...
This comment has been removed by a blog administrator.
Anonymous said...

Bruno Lameiras

Boas... há aqui pessoal que se insulta, ridiculariza os outros de uma forma anónima, trata mal os colegas... eu escrevi uma piadola e apagaram o post...

muito bom.

Cumprimentos

Anonymous said...

A censura , julgava eu, acabou em 25A. Por isso todo o acto censório é condenável e feio. O contraditório é feito com argumentos válidos e com elevação. Ou não estamos num blog dum elemento duma FS que se deve pautar pela cordialidade e tolerância mesmo perante os que não têm pensamento concordante?

Anonymous said...

Será?

Anonymous said...

Pois. Censura...
O problema é que, para além das diferenças ideológicas, o que até é saudável, há sempre quem esteja na posição do "contra", nunca estão de acordo com ninguém, nem com eles próprios.
De qualquer modo, também não percebo os critérios aplicados para a dita censura, quando efectivamente se leêm por aqui comentários efectivamente ridiculos pela má educação.

João Carreira

Anonymous said...

eu tenho um grande comentario para mostrar k esta num blog mas nao e este o local espero noticias de outras coisas e depois verao a bomba das estrelas da policia....