Thursday, February 7, 2008

39 / Explosivos

Algures, em Santa Ignorância - Veio a público, durante o Carnaval, que tinham desaparecido, ou teriam sido roubados, duma pedreira em Viana do Castelo, cerca de 25 Kg de explosivos. O nossso homem da segurança teve que vir logo para os jornais e televisões acalmar o povo alarmado. Estava tudo «porreiro pá», até porque já se tinha avisado os espanhóis e ... blá, blá, blá. Quando se vê responsáveis como este a acalmar o povo, deveríamos todos ficar alarmados, pois maior desfasamento da realidade não poderia haver. Saberá este senhor, que todos os dias, se fazem transporte de explosivos pelas nossas estradas? Saberá este senhor, que os explosivos, por causa de regulamentos estradais que nada têm a ver com o terrorismo, obrigam as transportadoras a circular com os explosivos entre determinadas horas e só em determinadas estradas? Saberá este senhor, que a escolta policial fornecida, é feita por um agente polícial, normalíssimo, sem qualquer formação específica, bastando estar numa escala de serviços remunerados e aguardar pela sua vez? Saberá este senhor, que esse mesmo elemento policial vai sentado ao lado do motorista? Saberá este senhor, muitas coisas mais que agora não se escreve, mas que este senhor deveria saber? Saberá este senhor, que às vezes é melhor estar calado?

2 comments:

Anonymous said...

Portugal ultimamente padece desse grande mal que é a incapacidade de as figuras cimeiras dos quadros da Justiça saberem ficar de boca fechada, no sentido de fomentarem uma cultura de reserva...

Veja-se o Director da PJ...

Lamentavel...

Guarda Nocturno said...

Claro que aquilo que o Sr. Alípio disse configura outro caso típico de «inimputabilidade política».